O CASAL:

As disfunções sexuais masculinas são um problema do indivíduo, porém também são um problema do casal.

O fato de não poder desfrutar da plenitude da vida sexual, pode gerar consequências negativas na relação,
de maneira que a disfunção sexual pode produzir problemas na relação afetiva do casal. É por isto que a melhor
maneira de enfrentá-la é com ajuda e colaboração da parceira.

A participação da parceira no processo é importante, e dependendo do caso, pode fazer a diferença para o êxito do tratamento.

Como saber se meu parceiro tem Disfunção Erétil?

Se o seu parceiro apresenta algum problema de ereção de forma contínua, é importante que você adote uma atitude serena e não se apresse tirando conclusões antes da hora devida.
Para saber se realmente se trata de um caso de disfunção erétil, você pode fazer uma primeira avaliação e confirmar se o seu parceiro apresenta algum dos sintomas seguintes:
Dificuldade na hora de atingir ou manter uma ereção pelo menos uma em cada quatro vezes em que vocês tentam ter relações sexuais, ou esta continua por mais de um mês.
Demora mais tempo do que de costume para conseguir uma ereção ou é mais difícil em determinadas posições.
A ereção é menor ou há menos rigidez do que costumava ser antes.
Manter a ereção implica em fazer um esforço consciente.
As ereções espontâneas de manhã são menos frequentes ou têm menor rigidez
Ejacula rápido ou com ereção incompleta.
Se ele tem algum destes sintomas, aconselhamos que você fale com ele e juntos combinem uma primeira visita a uma de nossas clínicas para fazer um diagnóstico detalhado do que está acontecendo.

O que devo saber sobre a Disfunção Erétil?

Lembre-se de que a Disfunção Erétil prejudica só a ereção, diminuindo sua duração ou evitando que ela chegue a ocorrer, nunca o impulso sexual.
Portanto, não se culpe pensando que seu companheiro já não sente desejo sexual ou atração por você. Se ele evita relações sexuais, seguramente é para evitar a vergonha de não corresponder à sua expectativa nos encontros entre vocês.
A Disfunção Erétil é mais comum do que pode parecer.
No Brasil, calcula-se que há cerca de 30 milhões de homens que sofrem algum tipo de problema de ereção.

Como conversar com minha parceira sobre Ejaculação Precoce?

O sexo é uma parte importante do nosso bem-estar físico e psicológico. Quando existe a ejaculação precoce, os homens muitas vezes experimentam sentimentos de inadequação, ansiedade e baixa auto-estima e, finalmente, depressão ou agressividade pode se desenvolver ao longo do tempo.
Em relacionamentos íntimos, os homens com EP, muitas vezes, evitam encontros sexuais com suas parceiras, deixando elas a imaginar se fizeram algo errado, ou se já não são mais atraentes. Com o surgimento da ansiedade e depressão, as suspeitas do parceiro crescem sobre o que está acontecendo com ele, assim como a crença continuada de que há algo errado com eles. Sentimentos de magoa e confusão, muitas vezes, levam a uma diminuição da comunicação, não só no quarto, mas também na vida cotidiana, o que sobrecarrega ainda mais o relacionamento.
Além dos relacionamentos íntimos, EP também pode afetar pessoas com amigos e colegas de trabalho. Se um homem perde a sua auto-confiança, ele não pode encontrar satisfação em atividades que costumava desfrutar. No local de trabalho, falta de auto-estima ou motivação pode mudar significativamente a atitude de um homem e afetar sua produtividade, levando a dificuldades com seus superiores e outros.

Como o Boston Medical Group pode me ajudar?

O Boston Medical Group pode assessorá-lo sobre como enfrentar o problema que tanto você como sua companheira estão tendo.
Em seu primeiro contato através do telefone de atenção ao paciente (0800 709 9999), nossos assessores o orientarão sobre tudo que você quiser saber e darão todas as informações relacionadas com nossas clínicas, para que você possa marcar uma primeira consulta com um dos nossos médicos.
A partir daí, você será atendido por um de nossos médicos de forma personalizada e com absoluta confidencialidade para fazer o diagnóstico e escolher o tratamento mais efetivo para seu caso.